Usamos os cookies e dados de navegação visando proporcionar uma melhor experiência durante o uso do site. Ao continuar, você concorda com nossa Política de Privacidade.

Empresário que trabalha de mais não tem tempo para ganhar dinheiro.

Minha mãe dotada de grande sabedoria sempre dizia, “Quem trabalha de mais não tem tempo para ganhar dinheiro.”

Quem é dono do próprio negócio sabe bem o significado disso. Não é fácil lidar com tantas situações ao mesmo tempo, o empresário de pequeno negócio geralmente trabalha com poucos recursos humanos e tecnológico, obrigando a assumir diversas funções.

Esses empresários atuam no comercial, na operação, no atendimento ao cliente, no atendimento ao fornecedor, administram o time entre tantas outras atividades. Tudo isso ao mesmo tempo e com um agravante. Boa parte das micro e pequenas empresas não possuem seus departamentos claramente definidos, ou seja, acontece tudo ao mesmo tempo e a ordem do dia é a situação mais urgente.

Outro ponto para se atentar é o comportamento do empresário de pequeno negócio, por deter todo o conhecimento sobre o funcionamento do seu negócio, por ser o fundador do negócio, muitos destes empresários têm a falsa ideia de que ninguém é capaz de realizar as atividades com a mesma qualidade que a dele. Ou pior, Temer que o funcionário faça melhor que ele.

A esse perfil de empresário damos o nome de “centralizador”. Esse comportamento é um perigo para o pequeno negócio. A sobrecarga de trabalho sobre os ombros do empresário causam muitos danos a saúde física e emocional, prejudicando muito o desenvolvimento da empresa.

A interferência em demasia do empresário na operação por não confiar na capacidade do time causa um estrago sem tamanho na equipe que trabalha desmotivada, estressada, sem engajamento, sem comprometimento. Estão ali apenas de corpo presente, somente aguardando uma oportunidade para trocar de empresa.

Sem contar o atraso que estes empresários impõe ao seu próprio negócio em relação aos concorrentes, uma vez que tudo depende dele. O time não tem autonomia para decidir, para fazer. Nada acontece sem o aval do empresário. Isso torna a empresa lenta, sem competitividade, sem agilidade para reagir as situações impostas pelo mercado. A consequência disso é a estagnação generalizada e falência.

Lembrando que o bom administrador não é aquele que sabe fazer tudo, mas aquele que entende o que precisa e traz para junto de si profissionais com as habilidades que lhe falta, e foca sua energia nas atividades que estratégicas do negócio.

Mas como resolver essa questão?

O primeiro passo é o empresário entender que por mais que tente e queria, é impossível cuidar de tudo, e se tem mais pessoas trabalhando na empresa, elas estão ali para somar, caso contrário não justifica o custo.

O segundo passo é identificar quais atividades devem ser realizadas pelo empresário, lembrando que a mão de obra mais cara da empresa é a sua. Isso pode ser feito respondendo estas 3 perguntas?

Concentre sua energia somente nas atividades listadas na terceira pergunta, o resto DELEGUE!

1- Quais atividades só eu posso fazer?
2- Quais atividades estou fazendo e que não deveria fazer?
3- Quais atividades estou fazendo e que outras pessoas poderiam fazer?

Mas não se esqueça que existe uma grande diferença entre DELEGAR e DELARGAR. Mas esse assunto tratamos em outro artigo.

Uma solução prática e objetiva para melhorar a eficiência do pequeno negócio é o BPO (Business Process Outsourcing) que significa Terceirização dos Processos de Negócios! Muito usado nos países mais desenvolvidos.

O BPO, diferente da terceirização como conhecemos hoje, trata da profissionalização dos processos do departamento ou setor que será terceirizado. São especialistas em assuntos que são fundamentais para a manutenção do negócio porém, estas atividades não agregam valor ao produto ou serviço, ou seja, não fazem parte do core business do negócio.

Podemos citar aqui áreas que podem e devem ser terceirizadas sendo o TI, o RH, a Contabilidade, o Comercial, o MKT, a Logística e Principalmente o Departamento Financeiro.

SIM O DEPARTAMENTO FINANCEIRO!

A #Innovali é especialista em #BPOFinanceiro e gestão de pequenos negócios.

Livre-se das atividades que tomam o seu tempo, que te tiram a paz e te impedem de se dedicar as atividades que realmente trazem dinheiro para o seu negócio.

Venha tomar um café conosco e conheça um pouco mais sobre os benefícios do BPO Financeiro.

Até o próximo artigo!

Vamos tomar um café?

Innovali ®, 2021. | Papaya Comunicação
× Fale com o especialista